Ouça nosso boletim

Inscrições para crédito estão abertas

Juro baixou de 6,5% para 3,4% e prazos para começar a pagar e quitar a dívida estão maiores

Foram abertas ontem as inscrições para o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies). A partir deste ano, o programa passa a operar com mudanças que facilitam a contratação do financiamento. A taxa de juros, que era de 6,5% ao ano, baixou para 3,4% ao ano para todos os cursos, inclusive para o saldo devedor dos contratos já firmados. Outra novidade é o período de carência, que passou de seis meses para 18 meses após a formatura.

O prazo de quitação da dívida também foi ampliado e será de três vezes o período financiado do curso, acrescido de 12 meses. Durante todo o período de pagamento ao Fundo as parcelas serão fixas. Além disso, o estudante poderá solicitar o financiamento em qualquer período do ano, retroativo ao semestre que está cursando. Uma das principais novidades é que, a partir de 2011, só estudantes que tiverem participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) poderão pedir o Fies. Neste ano, ainda não será necessário.

Há regra especial para estudantes formados em cursos de licenciatura, que atuarem como professores da rede pública de educação básica, e de medicina, que trabalharem como médicos do programa Saúde da Família em especialidades e regiões definidas como prioritárias pelo Ministério da Saúde. Nestes dois casos, os alunos poderão abater 1% da dívida para cada mês trabalhado.

Serão financiados pelo Fies os cursos de graduação presenciais que tenham avaliação positiva (conceito maior ou igual a 3) no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior  (Sinaes) e sejam oferecidos por instituições de ensino participantes do programa. As inscrições são feitas pelo Sistema Informatizado do Fies, disponível no Portal do MEC. Após a inscrição no sistema, o estudante deverá validar suas informações na instituição de ensino em que está matriculado. A partir da validação da documentação, o estudante deverá procurar um dos agentes financeiros vinculados ao Fies para a contratação do financiamento. Nesse primeiro momento, a Caixa Econômica Federal será a única instituição bancária. O percentual máximo de financiamento será calculado a partir do comprometimento da renda familiar per capita do estudante com o pagamento das mensalidades. Ele pode chegar a 100% nos casos em que esse comprometimento for igual ou superior a 60% dos rendimentos do grupo familiar.



Diário Catarinense, 04/05/2010 - Florianópolis SC.

	Array
(
    [0] => No page with id root
)