Ouça nosso boletim

Eles preferem as particulares

Para um grupo considerável de candidatos, universidades privadas são a primeira opção e as vagas, tão concorridas quanto as da Fuvest

Paulo Saldaña - Estadão.edu

As pessoas geralmente associam o vestibular à corrida por vagas em universidades públicas. Mas as particulares são a primeira opção para um grupo considerável de candidatos, que ralam nos estudos como qualquer candidato da Fuvest. Instituições como FGV, ESPM, Insper, Faap ou Mackenzie atraem alunos que buscam cursos de ponta e não estão preocupados em pôr a mão no bolso. Mesmo com mensalidades salgadas, a concorrência é alta. “Elas são objeto de desejo tanto quanto as públicas”, diz Éder Melgar, coordenador do cursinho Intergraus, cujas turmas específicas para as particulares de elite recebem cerca de 300 alunos por semestre. “Eles querem graduações fortes. São pessoas de poder aquisitivo alto, que estudaram nos melhores colégios”, afirma Paulo Lima, coordenador do CPV, que tem mais de 1.500 alunos por semestre. Roberto Pallares Bilton, de 19 anos - ALUNO DO CPV, QUER FAZER ADMINISTRAÇÃO NO INSPER -"O Insper é de ponta e tem um vestibular no qual eu devo me sair bem. Só caem português e matemática. Além do mais, ouço que lá estão os caras que mais entendem de área financeira. É um investimento que vale a pena. Vou gastar agora e ganhar mais no futuro. Já estou no 3º semestre de cursinho. No último, não passei por pouco" Brian Edward Scherman, de 18 anos - ESTUDA NO CURSINHO EASE PARA FAZER ADMINISTRAÇÃO NA FGV - "USP e FGV são as melhores do Brasil. Acho que a FGV ganha em tradição e, até por ser particular, tem estrutura melhor. Conversei com amigos do meu pai da área financeira, que é onde quero trabalhar, e todos foram taxativos: se você que ser teórico, vá para a USP; para o mercado, a FGV prepara melhor. Pensei no dinheiro, que poderia investir até num negócio, mas levei em conta esse lance do mercado. Além de o meu pai me apoiar, vou atrás de bolsa" Jéssica Rosa Lopes, de 18 anos - ALUNA DO INTERGRAUS, QUER CURSAR PROPAGANDA NA ESPM - "Quando decidi fazer Publicidade, fui pesquisar e vi que a ESPM era a melhor do Brasil. Estou preocupada com o mercado de trabalho. Acho que vou me preparar melhor, é um curso mais abrangente que o da USP. Meus pais sempre me apoiaram, mas advertiram para me esforçar. Afinal, o dinheiro é deles. Então, tenho que dar tudo de mim." Renata D’Angela, de 17 anos - ALUNA DO CPV, QUER FAZER ADMINISTRAÇÃO NA FGV OU ECONOMIA NO INSPER - Apesar de ser nova, quero muito passar no vestibular do meio do ano. Se tivesse Fuvest agora, até prestaria, porque lá não teria de pagar. FGV e Insper são muito fortes. Tenho amigos lá que falam coisas maravilhosas sobre a estrutura e parcerias com faculdades no exterior. Ouço que você já sai empregado de lá. Meu pai entende, diz para eu fazer o que quiser. Se não passar agora, vou para um cursinho mais barato, abrir um pouco o leque de faculdades.

Fonte: Estadão.edu, 25/05/2010 - São Paulo SP.

	Array
(
    [0] => No page with id root
)