Ouça nosso boletim

Boletim SinepeNOPR – 6 de setembro de 2016

Boletim SinepeNOPR – 6 de setembro de 2016


Educação inclusiva em Maringá

No dia 29/09, das 07h30min às 18h00min, na Unicesumar em Maringá, o SINEPE/NOPR promoverá um Fórum Interdisciplinar sobre a Educação no Estatuto da Pessoa com Deficiência. Esse evento integra um conjunto de ações desenvolvidas pelo sindicato para auxiliar as escolas na implantação da educação inclusiva nos 114 municípios que compõem sua base territorial. Serão abordados três aspectos interdisciplinares da educação inclusiva: o jurídico, o pedagógico e o médico. As inscrições poderão ser feitas pelo telefone (44)3226-1187.

Estatuto da Pessoa com Deficiência

O Fórum será aberto pela Secretária Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Ministério da Justiça e Cidadania, Roseane Estrela, que falará sobre o novo paradigma educacional inaugurado pelo Estatuto da Pessoa com Deficiência; o Secretário para Assuntos Estratégicos do Paraná, Flávio Arns, e a Procuradora Regional do Ministério Público Federal, Eugênia Augusta Gonzaga, abordarão a exigência legal do acesso e da permanência de pessoas com deficiência no ensino regular.

Formação

A Professora Enicéia Gonçalves Mendes, da UFSCAR, destacará a necessidade de as escolas investirem na formação de professores e de gestores escolares;  a Doutora em Educação Elsa Midori Shimazaki, da UEM, apresentará estratégias pedagógicas contemporâneas que permitirão a inclusão de pessoas com deficiência no ensino regular.

Deficiência Intelectual e Hiperatividade

Sob o ponto de vista psiquiátrico, o Dr Felipe de Figueiredo, Médico Psiquiatra da Infância e da Adolescência, com doutorado em saúde mental pela USP, falará sobre “Deficiência intelectual e Hiperatividades: impactos na inclusão do aluno e de seus colegas na escola de ensino regular”; a mestre em psicologia e especialista em educação especial Deise Aparecida Curto da Costa abordará as causas do autismo e o atendimento educacional do autista e Marta Gil, representante da ABRIDEF – Associação Brasileira da Indústria, Comércio e Serviços de Tecnologia Assistiva, falará sobre a importância da montagem de uma sala de recursos multifuncionais para a implementação do atendimento educacional especializado.

Eficácia da Educação Inclusiva

Segundo o presidente do SINEPE/NOPR, Professor José Carlos Barbieri, o evento será muito importante e colaborará para a formação dos profissionais que atuam na área educacional. Para Barbieri, para tornar eficaz a educação inclusiva, estes profissionais, sejam eles professores, gestores ou operadores do direito, não podem perder de vista que o objetivo da educação é a melhor proteção dos interesses da pessoa com deficiência, o que sempre demandará uma visão dinâmica e flexível do processo educativo.

Análise interdisciplinar

Para Dâmares Ferreira, advogada do SINEPE/NOPR e coordenadora do evento, a educação inclusiva é um objeto que demanda análise profissional interdisciplinar. “O direito à educação, previsto no Estatuto da Pessoa com Deficiência, não pode ser analisado apenas sob o ponto de vista frio da lei”, considera, acrescentando que “a complexidade do problema demanda uma visão interdisciplinar para a melhor proteção do aluno com deficiência”. O evento tem o apoio das Federações Nacional e Sul-brasileira de Escolas Particulares.

Volta o Saeb

Em nota oficial, o Ministério da Educação justifica a decisão de restabelecer o Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), o que foi feito por meio da Portaria n.º 981, de 25 de agosto último. Em maio, o Saeb fora substituído pelo Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Sinaeb). De acordo com a atual gestão do MEC, o Saeb já estava plenamente consolidado e reconhecido internacionalmente. Portanto, qualquer alteração que se fizesse necessária em suas referências não seria conveniente ou oportuna até que seja concretizada a revisão da Base Nacional Comum Curricular.

Políticas educacionais

Na nota, o MEC considera importante destacar, ainda, que o Saeb, criado em 1990, sustenta-se em estatísticas consolidadas. Suas informações subsidiam a formulação, reformulação e o monitoramento das políticas na área educacional nas esferas municipal, estadual e federal e contribuem para a melhoria da qualidade, equidade e eficiência do ensino.

Diagnóstico

Dessa forma, o diagnóstico do sistema educacional brasileiro e de fatores associados ao desempenho do estudante permanece sendo realizado pelo Saeb, composto por um conjunto de avaliações em larga escala que estão mantidas e sob responsabilidade do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep).

 A partir deste sábado, São Paulo recebe três feiras voltadas para os interessados em cursos de graduação, MBA e pós-graduação no exterior, no Hotel Transamérica. As inscrições para os eventos são gratuitas e podem ser feitas pelos sites da QS World MBA Tour, QS World University Tour e QS World Grad School Tour. Organizadas pela consultoria britânica Quacquarelli Symonds (QS), responsável por rankings universitários reconhecidos entre estudantes e a comunidade acadêmica, as feiras vão oferecer bolsas de estudos de MBA e pós-graduação aos participantes.

Bolsas

De acordo com a QS, dez estudantes serão contemplados com o benefício e, em média, receberão 10.000 dólares para bancar os gastos no exterior. Durante os eventos, os estudantes poderão assistir a palestras de instituições interessadas em receber alunos brasileiros, como a Cambridge Judge Bussiness School, do Reino Unido, a Universidade IE, da Espanha, e a Escola de Negócios de Toulouse, da França.

Brasileiros no Exterior

O número de estudantes brasileiros aprovados em universidades americanas aumentou 34,8% em 2015. Segundo levantamento da empresa Apply Brasil, que auxilia estudantes na inscrição para universidades americanas, em 2014, 5.094 alunos foram aprovados. No ano passado, foram 6.874. O custo médio para estudar nas instituições mais prestigiadas, como Harvard, Yale, Princeton e Columbia, é de até 75.000 dólares no ano. Em outras, a média é de 40.000 dólares ao ano. Fonte: Revista Veja com Estadão Conteúdo.

  

 

Maringá, 06 de setembro de 2016.

 

 

 

Assessoria de imprensa SINEPE/NOPR

	Array
(
    [0] => No page with id root
)