Ouça nosso boletim

Boletim do SINEPE/NOPR – 06 de Abril de 2017.

Boletim do SINEPE/NOPR – 06 de Abril de 2017.

Enem

O Ministério da Educação (MEC) divulgou a portaria nº 468 que institui as disposições do Enem a partir da edição de 2017. Já o edital do Enem 2017, com o detalhamento de todas as regras do Exame, inclusive as mudanças já anunciadas, será publicado na próxima segunda-feira, 10.

 

Objetivo

Segundo a portaria, o objetivo primordial do Enem é aferir se seus participantes demonstram, ao final do ensino médio, individualmente, domínio dos princípios científicos e tecnológicos que presidem a produção moderna e se detém conhecimento das formas contemporâneas de linguagem.

 

Responsabilidade

A portaria mantém a responsabilidade do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) de planejar e implementar o Enem, assim como promover a avaliação contínua do processo. O exame segue sendo realizado anualmente, com aplicação descentralizada das provas, observando-se as disposições contidas na portaria e no edital. Fonte: As. de Comunicação - INEP - Revista Gestão Universitária.

 

Ciência Sem Fronteiras

O MEC desmentiu a informação de que teria acabado com o ‘Ciência Sem Fronteiras` afirmando que o programa está “funcionando plenamente” como oportunidade de internacionalização para alunos de pós-graduação (mestrado, doutorado, pós-doutorado e atração de jovens cientistas).

 

Avaliação criteriosa

Segundo o Ministério da Educação, a Capes mantém editais para bolsas de pós-graduação, pós-doutorado e estágio sênior no exterior. Em 2017, cerca de cinco mil estudantes recebem bolsas nestas categorias. A pasta afirma ainda que fez “uma avaliação criteriosa da modalidade graduação” e “chegou à conclusão de que era alto o custo para manter os alunos estudando fora do país”.

 

Novas estratégias

O MEC informou que “diante desse quadro, o ‘Ciência sem Fronteiras’ permaneceu com foco na pós-graduação”. E que, atualmente, “a Capes discute novas estratégias de internacionalização e apoio a excelência nas universidades”. Fonte: por IG São Paulo - IG Educação Data: 03/04/2017.

 

Brasa

No início, em 2014, o objetivo era criar uma rede de conexão entre estudantes brasileiros no exterior. Como se fosse uma grande família, com apoio mútuo para crescimento pessoal, troca de ideias e superação de dificuldades. Hoje, a Brasa, sigla em inglês para Associação de Estudantes Brasileiros, é a maior organização sem fins lucrativos de suporte a quem vive fora do Brasil, incluindo ex-universitários, ou quem queira passar por essa experiência.

 

Internet

No último sábado, na Filadélfia (Estados Unidos), o ministro da Educação, Mendonça Filho, conheceu de perto o trabalho dessa equipe, composta basicamente por jovens que atuam na internet e outros meios de comunicação. Ele foi um dos palestrantes da Brazilian Undergraduate Student Conference (BrazUSC), um evento anual que a Brasa realiza com estudantes brasileiros espalhados pelo mundo e conferencistas das áreas de política, saúde, educação e cultura.

 

Referência

A associação conta com 3,6 mil membros e está presente em 72 universidades de 50 cidades da América do Norte, Europa e Ásia. A meta é tornar-se até 2025 a organização de maior referência para brasileiros no exterior e ser reconhecida como formadora de líderes empreendedores, responsáveis por mudanças necessárias nos setores público e privado.  Assessoria de Comunicação Social do MEC.

 

Farmácia

A Câmara de Educação Superior (CES) do Conselho Nacional de Educação (CNE) realizou audiência pública que tratou das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) para o curso de graduação em farmácia na última segunda-feira, 3. A audiência contribui para a produção de nova resolução que define princípios, fundamentos, condições e procedimentos da formação dos estudantes nas áreas mencionadas. Foram registrados 133 presentes e mais de 80 inscritos para sugestões presenciais e enviadas pela internet.

 

Diretrizes

As propostas para as novas diretrizes do curso de farmácia estruturam três eixos: cuidado em saúde; tecnologia e inovação em saúde; gestão em saúde. Os eixos traduzem a necessidade de evolução e incorporação das especificidades das sociedades contemporâneas – adicionando visão mais aprofundada dos problemas sociais do país.

 

Educacenso

 

Já estão disponíveis no sistema Educacenso, do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), os relatórios com os dados de rendimento e movimento informados pelas escolas no módulo Situação do Aluno do Censo da Educação Básica. As instituições e as redes de ensino têm até 18 de abril para conferir as informações declaradas e, se necessário, fazer correções. Depois desse prazo, não poderão ser realizadas alterações. Os gestores podem acessar o sistema Educacenso pelo portal eletrônico do Inep. Assessoria do MEC, com informações do Inep.

 Maringá, 06 de Abril de  2017.

 

 

Assessoria de imprensa SINEPE/NOPR.

	Array
(
    [0] => No page with id root
)